Auditório da Reitoria recebe mostra retrospectiva do Dia Internacional da Animação

O Auditório da Reitoria receberá no domingo (24), das 10h às 12h, uma mostra audiovisual com as produções cearenses selecionadas para a última edição do Dia Internacional da Animação, data comemorada em outubro em mais de 30 países. Com curadoria da Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA), serão exibidos 17 curtas-metragens de animação assinados por realizadores locais que integraram a mostra oficial do evento no ano passado. O acesso é livre até a lotação da capacidade do auditório.

A programação inclui os trabalhos “Até Quando, Luciano?”, de  Jonathan Alpoim e Rafael Neves; “Vida’, de Levi Magalhães; “Bio Consume” e “Urso despolar”, de Maxwell Duarte; “Esperança é a última que morde”, de Neil Rezende; “Vida Maria”, de Márcio Ramos; “Guerra dos Bárbaros”, de Júlia Manta; “Odisseia no Sertão”, de Josimário Façanha; “Fátima”, de Jefferson Hamaguchi; “Campo Branco”, de Telmo Carvalho; “Maria da Glóri””, de Diego Akel; “Pangeia”, de Fernanda Meireles; “Esaú, o catador de histórias”, de André Dias; “Na Pele”, de Firmino Holanda; “Enquadrado”, de Leontino Eugênio; “Viração”, de Tiano Saraiva e “Olhos de Lurdes”, de José Rodrigues Neto.

Algumas das obras são aclamadas, como o curta de Firmino Holanda, realizado em super-8 no ano de 1979 e considerado um dos pioneiros no cinema de animação no Ceará. Outras receberam notável reconhecimento em festivais e eventos, caso do curta “Vida Maria”, de Márcio Ramos, que acumula mais de 40 prêmios nacionais e internacionais, dentre eles o Festival Anima Mundi e o Cleveland International Film Festival (EUA).

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Atividades esportivas, oficinas, feiras e serviços integram programação do Corredor Cultural

O Corredor Cultural do Benfica promete atrair para sua programação tanto amantes da cultura quanto do esporte. Dentre as atividades da manhã de domingo (24), estão previstos espaços para a prática de ciclismo, futebol, basquete e jogos populares. A Ciclofaixa de Lazer, promovida aos domingos pela Prefeitura de Fortaleza, terá seu trajeto desviado para passar pelo trecho da Avenida da Universidade compreendido entre as ruas Paulino Nogueira e Juvenal Galeno. Haverá uma interrupção, contudo, na Avenida 13 de Maio, que seguirá com fluxo normal. A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) será responsável pelo fechamento dos trechos e controle do acesso dos ciclistas.

A Rua Paulino Nogueira, perpendicular à Avenida da Universidade, também estará fechada para veículos e consistirá na arena esportiva do evento, com lugar para traves de futebol, redes de basquete e jogos de rua como a tradicional “carimba”. Destinadas exclusivamente ao acesso de pedestres, a rua mencionada e na Avenida da Universidade também estarão abertas à prática de modalidades como patins e skate.

Espaço de formação

No domingo, quatro oficinas serão ofertadas nesta edição de lançamento do Corredor: “Brincando de Fazer Notícia – Jornalismo e Cidadania”, “Confecção de Flipbook”, “Grafitti” e “Artesanato em Nó”. Todas começam às 9h e serão ofertadas no Departamento de Arquitetura (Av. da Universidade, 2890 – Benfica) e nos jardins da Reitoria. As inscrições serão realizadas no horário e local das formações, até o preenchimento das vagas disponíveis.

Novos e usados

De vocação acadêmica e artística, o Benfica é famoso pelos seus sebos, livrarias e ateliês. Para manter viva essa tradição, o Corredor Cultural promoverá feiras de livros e discos (com participação das Edições UFC e da Livraria Lamarca), de antiguidades e de economia criativa, esta última reunindo artistas e artesãos locais. Na manhã de domingo, as atividades comerciais serão distribuídas entre os corredores da Reitoria e estandes montados na Avenida da Universidade. Na hora da fome, o público encontrará no estacionamento do Museu de Arte da UFC (Av. da Universidade, 2854 – Benfica) uma praça de alimentação com o melhor da gastronomia do bairro, entre lanches e comida regional, baiana e vegana.

Serviços para o cidadão

A Prefeitura Municipal de Fortaleza, uma das apoiadoras institucionais do evento, disponibilizará domingo (24), na estrutura do Corredor Cultural do Benfica, um posto de atendimento para a Ciclofaixa de Lazer com distribuição de mudas e duas ações de seu catálogo de serviços: cadastramento para emissão do Bilhete Único e credenciamento de idosos para uso de vagas especiais de estacionamento. Os documentos necessários para ter acesso a esses serviços no dia do evento estão disponíveis, respectivamente, nos links http://goo.gl/hZgA3H e http://goo.gl/cnvyav. Em paralelo, profissionais ligados à Secretaria Municipal de Saúde aferirão glicemia e pressão arterial da população.

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Corredor do Benfica terá vários espaços da programação dedicados às crianças

As famílias fortalezenses já têm programa para o domingo (24): levar as crianças para uma manhã de diversão gratuita no Corredor Cultural do Benfica. Na edição de lançamento do projeto, a programação voltada para o público infantil foi especialmente pensada para manter as crianças ocupadas com muita brincadeira e arte.

De 8h às 13h, o ônibus do projeto de extensão BrincarMóvel – Brinquedoteca Itinerante, vinculado ao Instituto de Educação Física e Esportes da Universidade Federal do Ceará (UFC), estará estacionado nos jardins da Reitoria (Av. da Universidade, 2853 – Benfica) à disposição da criançada. Lá dentro, os pequenos encontrarão um espaço estruturado para tornar a brincadeira uma experiência única e transformadora. Repleto de jogos e brinquedos com propostas e origens diversas, indo dos mais tradicionais aos industrializados, a iniciativa conta com a supervisão de monitores e a promoção de atividades artísticas e culturais como teatro de fantoches, pintura facial e roda de música, dentre outras atrações.

Das 8h30min às 9h30min, também nos jardins do prédio histórico, o universo dos contos se fará presente, por meio de círculos de contos e histórias. O momento lúdico ficará a cargo das equipes do projeto Contação de Histórias da Vó Maria Conga, da Casa José de Alencar, e da ONG Associação Carne Seca de Arte. Capaz de encantar crianças e adultos, a linguagem circense não poderia faltar. Em parceria com o projeto Palco Aberto, o evento trará, das 8h30min às 11h30min, mímicos e palhaços do projeto em interação com os visitantes durante a manhã. Além da vivência, estão previstas apresentações de artes como trapézio de chão, malabares, bambolê, teatro de bonecos e acrobacia.

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Programação musical do Corredor do Benfica vai da música erudita ao carimbó

O bairro do Benfica já é acostumado à boemia. Além de abrigar alguns dos bares mais tradicionais da cidade, recebe há décadas calouradas e festivais da Universidade Federal do Ceará (UFC) e é berço de alguns dos mais animados blocos do Carnaval de Fortaleza. Com o projeto do Corredor Cultural do Benfica, não poderia ser diferente. A programação do evento, que realiza a primeira edição na noite do dia 23 e na manhã do dia 24 de setembro, traz a música como carro-chefe em uma proposta multicultural.

A noite de sábado transitará da música erudita à guitarrada paraense. Abrindo a programação de shows às 17h, na Concha Acústica da Reitoria (Av. da Universidade, 2853 – Benfica), a primeira a se apresentar é a Camerata de Cordas da UFC, projeto vinculado ao Curso de Música (Fortaleza) e à Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte) que se dedica ao estudo da música de câmara e à prática de violino, viola, violoncelo e contrabaixo. Coordenado pelas professoras Liu Man Ying e Dora Utermohl, o grupo conta com 24 músicos e brindará o público com composições clássicas e populares para instrumentos de cordas.

Em seguida, um grupo formado pelos jovens do curso de música da Rede Cuca, vinculada à Coordenadoria de Juventude da Prefeitura de Fortaleza, apresentará o espetáculo “Diversidade”, em cujo repertório estão canções de Anitta a Elvis Presley. Já a terceira atração é uma das mais relevantes agremiações de maracatu cearenses, fruto de um programa de formação continuada focado no resgate das raízes negras e brincantes de nossa cultura. Fundado em 2005, o Maracatu Solar traz à frente duas das personas mais atuantes no cenário dessa manifestação cultural, o cantor e compositor Pingo de Fortaleza e o artista plástico Descartes Gadelha. Presença já tradicional no desfile da Av. Domingos Olímpio e da programação oficial do Carnaval de Fortaleza, o grupo leva ao palco do Corredor Cultural do Benfica o dourado de seu estandarte e também da opulência da divindade africana Oxum.

Fechará a noite um artista cuja trajetória musical remonta à infância e que carrega uma discografia de 12 álbuns dedicados ao gênero da guitarrada. O paraense Aldo Sena é a atração especial dessa primeira edição, divulgando a música e a cultura de seu Estado, com as quais já rodou o Brasil e chegou a palcos além-mar, como Portugal e Alemanha.

Na manhã domingo (24), o palco principal é a Avenida da Universidade. Às 8h, o público poderá espantar o sono com um animado aulão de zumba e ritmos latinos com a equipe da Rede Cuca. Às 9h, é a vez do consagrado Coral da UFC soltar as vozes. Com mais de 50 anos de estrada, o grupo já percorreu festivais de canto coral e até palcos europeus com seu repertório. Às 9h30min, a música instrumental do grupo 4 em Foco, projeto de instrumentos de sopro do Curso de Música da Universidade Federal do Ceará que já se apresentou em eventos como Festival Acordes do Amanhã e Festival UFC de Cultura. A partir das 10h, o Oré Anacã – Grupo de Dança Popular da UFC, apresenta um mix de ritmos que sintetiza a rica bagagem cultural brasileira. O projeto já foi atração no Festival UFC de Cultura, no teatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e no Festival Nacional Universitário de Danças Populares. Às 10h30min, a poesia popular entra em cena para fechar a manhã no palco, com o grupo de cantadores tradicionais “Cantoria de Viola”.

Entre as 10h e as 12h, o choro e o samba pedem passagem. É quando começa a programação do Espaço Brasileirinho, uma promoção do programa homônimo da Universitária FM 107,9. Artistas convidados do programa apresentarão ao vivo amostras do choro instrumental e cantado.

As raízes populares também se fazem presentes por meio dos folguedos de reisado: das 9h30min e as 11h30min, os jardins da Reitoria (Av. da Universidade, 2853 – Benfica) recebem o ensaio aberto do grupo Brincantes Cordão do Caroá, projeto de extensão da UFC que anualmente realiza apresentações no ciclo natalino da Universidade.

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Divulgada lista de estudantes selecionados para equipes de apoio ao Corredor Cultural do Benfica

A Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica divulga a lista de estudantes selecionados para atuarem como voluntários junto às equipes de produção do projeto. Foram recebidas mais de 200 inscrições para as 16 vagas disponíveis em áreas como assistência de palco, mobilização e articulação, comunicação, apoio nas oficinas, dentre outras funções. A alta adesão da comunidade estudantil levou a produção a rever as necessidades do projeto para tentar alocar mais candidatos, resultando nas 21 vagas agora confirmadas.

A seleção dos alunos voluntários, anunciada por meio do edital de chamada pública, foi feita mediante afinidade e habilidade com as atividades e/ou atribuições demandadas pelo projeto. Os alunos escolhidos serão avisados da seleção pelos contatos telefônicos e de e-mail informados no formulário online. Para efetivar a participação, é imprescindível que todos compareçam à reunião geral de mobilização, a ser realizada amanhã (19), às 14 horas, na Casa Amarela Eusélio Oliveira (Av. da Universidade, 2591).

Na ocasião serão repassados informes, assim como será feita a confirmação presencial do interesse do estudante na vaga. Não serão incorporados às equipes alunos que faltarem à reunião geral.

O período do estágio corresponde a 20 horas/mês, incluso o final de semana de realização das atividades do Corredor Cultural, sendo o total de 4 meses. A programação ocorrerá entre setembro a dezembro de 2017, com carga horária total de 80 horas durante todo o projeto.

Aos estudantes que participarem, na condição de voluntários, das equipes de apoio à organização do evento Corredor Cultural do Benfica, serão concedidas camisetas e certificação de atividade complementar na categoria “Organização de Eventos”, correspondente às horas trabalhadas. Por se tratar de projeto de extensão devidamente cadastrado na Pró-Reitoria de Extensão da UFC (PREX), será concedida ainda certificação adicional extensionista referente à mesma carga-horária.

Confira a seguir os nomes dos selecionados:

Adonai Elias Marcondes
Adriana Marques de Sousa Freire
Caetano Expedito Holanda de Moraes
Caio Vitor Said Torres
Cleber Alves
Leandro Flávio Restrepo Frota
Lucas Mathaeus Diniz Magalhães
Marcello Camelo Alcanfor Magalhães
Marcio Silva Peixoto
Matheus Bezerra Teixeira
Nathanael David Gondim dos Santos
Raphael Sampaio Colares
Raquel de Souza Alves
Raquel Gabriel da Silva
Rebeka Lucio e Neves
Rennata Ferreira Teixeira
Rick Wesley Rodrigues Andrade
Rômulo dos Santos Sampaio
Sara Bacelar Vidal
Tainan Roque Fernandes
Théo Fonseca Torres

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Corredor Cultural do Benfica lança primeira edição nos dias 23 e 24

Sonhado há décadas pelos movimentos artísticos da cidade de Fortaleza, o Corredor Cultural do Benfica torna-se realidade neste final de semana. Idealizado para integrar a população desse e de outros bairros da capital em uma iniciativa de lazer gratuito para todas as idades, o projeto lança sua primeira edição na noite de sábado (23) e segue com atividades diurnas no domingo (24). Outras três edições estão previstas até o final deste ano, e a expectativa é consolidar o evento para que ocorra mensalmente em 2018.

Com proposta de ocupação inovadora, toda a programação é aberta ao público e promete movimentar as ruas do bairro boêmio e universitário. “Isso é um anseio antigo, um movimento que tem uma história e vem sendo pensado há bastante tempo, tanto pela comunidade universitária quanto pelos movimentos sociais e pelos moradores do bairro do Benfica. Durante muitos anos o Benfica foi um ponto de convergência, principalmente dos estudantes, do mundo acadêmico, e continua sendo”, afirma o Reitor da UFC, Prof. Henry de Holanda Campos. O dirigente explica ainda que o projeto foi concebido a partir de um trabalho de pesquisa inédito sobre os serviços e equipamentos de todo o Benfica, que culminará no lançamento de um livro sobre o universo de restaurantes, bares, ateliês de artistas, pontos de encontro e associações sociais. É com base nessa história que a gente constrói o Corredor Cultural.

De acordo com o produtor executivo, Chico Célio Vieira, o mapeamento realizado mostrou que a comunidade não conhece nem visita tudo que o Benfica tem a oferecer. “Por isso, o propósito não é reinventar o bairro, mas articular essa programação que já existe à possibilidade da UFC se abrir para o povo aos finais de semana. Esperamos um público muito diverso e participativo”, diz. E o Prof. Henry Campos acrescenta: “A ideia é essa, tornar o evento uma atividade permanente. Com isso, a Universidade cumpre uma função de integração com seu bairro, que é tão importante e tem uma história tão especial na cidade”. Confira a seguir o leque de atividades por área:

Música

Os shows musicais começam às 17 horas do sábado (23), na Concha Acústica da UFC (Av. da Universidade, 2853 – Benfica), quando se apresentam a Camerata de Cordas da UFC, o grupo musical de alunos da Rede Cuca, o Maracatu Solar e o guitarrista paraense Aldo Sena. A partir das 8h do domingo (24), em palco montado na Avenida da Universidade, as atrações são uma aula de zumba com a equipe da Rede Cuca, além de Coral da UFC, grupo 4 em Foco, Oré Anacã, Cantoria de Viola, Espaço Brasileirinho e reisado Brincantes Cordão do Caroá.

Audiovisual

No domingo (24), das 10h às 12h, será realizada mostra retrospectiva da última edição do Dia Internacional da Animação, com curadoria da Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA). Serão exibidas animações de realizadores cearenses que integraram a mostra oficial do evento em 2016.

Oficinas

Brincando de Fazer Notícia – Jornalismo e Cidadania,  Confecção de Flipbook e Grafitti  e Artesanato em Nó serão as quatro oficinas ofertadas na manhã de domingo (24).  As inscrições poderão ser realizadas no horário e local das formações: às 9h no Departamento de Arquitetura ( Av. da Universidade, 2890 – Benfica) para as duas primeiras, e às 9h nos jardins da Reitoria para as duas seguintes.

Feirinhas

Entre 8h e 12h, os corredores da Reitoria e a Avenida da Universidade receberão feiras de livros novos e usados, de antiguidades e de economia criativa. Já o estacionamento do Museu de Arte da UFC (Av. da Universidade, 2854 – Benfica) abrigará uma praça de alimentação com representantes da gastronomia do bairro.

Serviços para o cidadão

Com apoio da Prefeitura Municipal de Fortaleza, na manhã do domingo (24) o público terá acesso ao posto de atendimento da Ciclofaixa de Lazer, com aferição de glicemia e pressão arterial, além da distribuição de mudas. Também será possível cadastrar-se no local para emissão de Bilhete Único e para uso de vagas especiais de estacionamento.

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com

Chamada seleciona alunos para atuar como voluntários no Corredor Cultural do Benfica

O bairro boêmio e universitário de Fortaleza que abriga um dos campi e diversos equipamentos culturais da Universidade Federal do Ceará ficará ainda mais movimentado a partir deste mês. O projeto Corredor Cultural do Benfica trará programação diversificada – a ser divulgada nos próximos dias – e recebe, até sexta-feira (15), inscrições de estudantes interessados em integrar, na condição de voluntários, as equipes de produção e organização do evento.

De setembro a dezembro, a população do bairro e da cidade contará com um final de semana de lazer gratuito na Avenida da Universidade, voltado para toda a família e repleto de música, dança, teatro, esportes, gastronomia, artes plásticas, feiras e oficinas, dentre outras atividades para várias faixas etárias de público. A primeira edição ocorre nos dias 23 e 24 de setembro.

Para participar da chamada pública, é preciso estar regularmente matriculado em um curso de graduação ou pós-graduação da UFC, ter disponibilidade para dedicar 20 horas mensais às atividades do evento (que terá quatro edições) e afinidade com as áreas de lotação de voluntários, listadas no Anexo I do edital de seleção.

Os alunos escolhidos receberão camisetas e certificação de atividade complementar nas categorias Extensão e Organização de Eventos. As inscrições podem ser feitas por meio de formulário eletrônico.

Os interessados serão selecionados com base nas informações fornecidas no formulário e na afinidade com as atividades das áreas demandadas pelo evento. A convocação ocorrerá por e-mail e telefone. Não serão incorporados às equipes os alunos selecionados que não comparecerem à reunião geral de mobilização, prevista para o dia 19 de setembro, às 14h, na Casa Amarela Eusélio Oliveira (Av. da Universidade, 2591, Benfica).

O projeto Corredor Cultural do Benfica tem patrocínio da Enel; é uma realização do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) e da Universidade Federal do Ceará; possui apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza (por meio das secretarias de Cultura e de Conservação e Serviços Públicos, além da Coordenadoria de Juventude); é parceiro da Secretaria de Cultura Artística da UFC (Secult-Arte), do Instituto de Cultura e Arte da UFC (ICA), da Casa José de Alencar, da Casa Amarela Eusélio Oliveira, do projeto Brincar Móvel – Brinquedoteca Itinerante, do projeto Palco Aberto, da Fundação Carne Seca de Arte, da Rede Cuca e do Shopping Benfica; e é organizado pela Maestria Comunicação e Eventos.

Fonte: Comissão Organizadora do Corredor Cultural do Benfica – fones: 85 3276 2525 e 99698 6665 / e-mail: corredorbenfica@gmail.com