Documentário e filme sobre Padre Cícero serão exibidos em espaço audiovisual do Corredor Cultural

Bairro já conhecido por reunir cineclubes e oferta de cursos sobre a sétima arte, o Benfica conta com momentos destinados à apreciação e discussão de obras audiovisuais nesta primeira edição 2018 do Corredor Cultural. O Auditório da Reitoria recebe, no domingo (16), o espaço de cinema do evento, onde será exibido às 10h30min o documentário “Padre Cícero – O Filme” (2018), dirigido pelo escritor e cineasta Raymundo Netto.

A obra, lançada em julho com livro homônimo, acompanha os bastidores de produção do controverso filme “Padre Cícero – Os Milagres de Juazeiro” (1976), de Hélder Martins de Moraes, primeiro longa-metragem colorido produzido no Ceará. Entrevistas com atores e figurantes, análise de registros da época e pesquisa historiográfica motivaram o escritor a explorar o percurso de produção da película. Em seguida, haverá debate com o realizador Raymundo Netto, que falará sobre o trabalho que culminou em filme e livro, lançados neste ano pela Fundação Demócrito Rocha.

À tarde, às 14h, quem quiser conferir a obra que serviu como matéria-prima para o documentário poderá assisti-lo em uma segunda sessão de cinema. A cinebiografia retrata a vida e a obra religiosa do padre Cícero Romão Batista, abordando sua trajetória enquanto personagem influente na política e na religião nordestinas, que o levou a ser seguido e adorado como santo até os dias atuais. Com orçamento alto para a época e elenco de peso – nomes como José Lewgoy, Dirce Migliaccio e Ana Miranda foram contratados –, o filme não obteve boa recepção e acabou obscurecido na história do audiovisual cearense.

O Corredor Cultural Benfica é uma realização da Universidade Federal do Ceará (UFC) e do Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede), com agradecimento à Enel; apoio institucional da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (SECULT-CE) e da Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), da Secretaria Municipal de Cultura (Secultfor), da Secretaria Municipal de Governo (SEGOV) e da Secretaria Executiva Regional IV; e organização da Maestria Comunicação e Eventos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *